Pub

Estou apaixonado pela minha colega de faculdade

Terminei meu relacionamento de 15 meses com minha ex-namorada há um mês, mas continuamos amigos. Ainda ficamos às vezes, porque ela tem medo de ficar só, e ela ainda gosta muito de mim.
Foto: Papodehomem.com.br
Nós terminamos pois nossas opiniões divergem em muitas coisas e eu notei que por isso algumas discussões estavam nos fazendo mal (esse foi o meu motivo). Mais tarde ela me confessou que o principal motivo dela foi por eu querer me relacionar sexualmente com ela e ela querer esperar até saímos da faculdade.
Realmente, tenho quase 20 anos e sou virgem, mas não quero fazer com qualquer moça, nem quero ter que esperar 5 anos pra isso (meio conflitante). Fico feliz de termos sido sinceros consigo mesmos e termos decidido terminar (lentamente).

Nos últimos dias percebi que não paro de pensar numa colega da turma de física que é de outro curso, vou chamá-la de Laïse aqui. Na aula de física em que estamos matriculados sento em um lugar de onde dá pra ficar olhando para ela, olho pra os lábios dela e me imagino beijando-a intensamente, penso nela o tempo todo, fico imaginando ela nos meus braços e eu me entregando ao calor do abraço dela…
Comecei a ir como ouvinte a algumas aulas de outras disciplinas que ela pega só para poder poder ficar mais tempo olhando-a. Estou naquela fase boba de ficar enxergando uma beleza angelical e etérea em Laïse, mas às vezes enxergo em Laïse o olhar lascivo de Capitu.
Bom, ainda não a conheço muito bem, por isso me sinto extremamente bobo por estar assim apaixonado, no entanto ela é muito simpática, gentil, estudiosa e está sempre com um sorriso bonito no rosto. Não sei se Laïse tem namorado e só tenho contato com ela nas aulas, sinto que vou passar o fim de semana todo esperando a aula de física para vê-la novamente e pensando nela. Quero me aproximar mais dela, mas não sei como e me sinto mal por isso.

Os problemas em estar apaixonado por Laïse são os seguintes:
  • Me sinto culpado por estar apaixonado por outra pessoa, depois de ter terminado com minha ex há tão pouco tempo;
  • Tenho medo de magoar minha ex;
  • Posso estar desejando a namorada de alguém, caso Laïse tenha namorado;
  • Estou com medo de me relacionar de novo e acabar novamente num relacionamento problemático em que há “Síndrome de Estocolmo”;
  • Minha ex também está na turma que estou frequentando pra ver Laïse;
  • Me sinto eufórico por meu coração bater tão forte por Laïse. Em meu coração tem um turbilhão de sensações por causa dela. Às vezes essa bagunça lá me deixa bem pra baixo;
  • Laïse é muito linda pra mim;
  • Me sinto perdido por não saber o que fazer e não ter uma pessoa física pra poder conversar sobre isso.
Não tenho certeza se eu posso considerar minha paixão por Laïse como infidelidade ao sentimento da minha ex, mas me sinto culpado e isso me faz querer desistir de sentir qualquer coisa e ficar sozinho, querer me punir de alguma forma.

Em conflito;

Confuso;

Perdido;

Nas nuvens;

Nas estrelas;

Nos olhos castanhos de Laïse;

Dentro de mim.


Escrito por: Edison Oliveira

Pub