Pub

Dom Pedro I, amante insaciável?

Reza a lenda que, quando Dom Pedro I passava, os nobres portugueses e ricos brasileiros escondiam suas filhas. A fama de amante insaciável do príncipe começou já aos 16 anos de idade.

Na fase adulta, o imperador tinha três grandes paixões: música, cavalos e mulheres, não necessariamente nessa ordem!
Foto: Sensacionalista
A primeira amante de Dom Pedro I foi a bailarina francesa Noémi Thierry, com quem ele teve um filho, que morreu no parto.

Mas a grande paixão da vida do imperador foi Domitila de Castro, a quem o nobre deu o título de Marquesa de Santos, além de quatro filhos.

A fama de Dom Pedro não era por acaso. Ele chegou, até mesmo, a ter um filho com Ana Augusta, uma monja portuguesa.

Além disso, é claro, Dom Pedro I não deixava suas escravas em paz, frequentava bordéis e seduzia moças de família.

O imperador se casou com D. Leopoldina, e a história dá a entender que a imperatriz morreu de tristeza, por causa das aventuras amorosas do marido.

D. Pedro também teve um caso com a irmã da Marquesa de Santos, a baronesa de Sorocaba Maria Benedita de Castro Canto e Melo, a quem deu um filho.

Como podemos ver, Dom Pedro não foi nenhum santo. Aliás, é importante ressaltar que ele teve, nada menos, que 18 filhos entre legítimos e ilegítimos.

Fonte: Site Curiosidadesa

Pub


alegre (13) amor (163) Casamento (6) confições (197) destaque (180) divórcio (17) drama (12) elas (40) Ele (29) eles (38) familia (82) filhos (30) História (27) Mulher (18) Pedrógão Grande (6) Portugal (11) Relação (5) Repórter de memórias (3) Traição (10) triste (11) Viagem (10) viagens (41) vida (61)